Linguagem e Comunicação – Matinhos
Sobre o curso Perfil Histu00f3ria do curso Vagas Saiba mais Palestra Contato Vestibular Homepage Voltar Cursos relacionados

Sobre o curso

Objetivos:rnFormar docentes cientes de sua au00e7u00e3o educativa na sociedade na educau00e7u00e3o formal ou nu00e3o formal, ou em outros espau00e7os sociais (tais como associau00e7u00f5es, empresas, ONGs etc.), sendo capaz de interferir nas questu00f5es educacionais de seu pau00eds, estado e municu00edpio, oferecendo condiu00e7u00f5es para que seus discentes percebam a complexidade educacional brasileira como tambu00e9m as questu00f5es intru00ednsecas de poder que a linguagem e a comunicau00e7u00e3o contu00eam. Su00e3o objetivos do Curso:

rnrn

    rn t

  • estimular a criau00e7u00e3o cultural e o desenvolvimento do espu00edrito cru00edtico e cientu00edfico;
  • rn t

  • refletir sobre as diversas questu00f5es educacionais brasileiras, conhecendo especialmente a realidade do litoral paranaense, com vistas u00e0 formau00e7u00e3o de profissionais que se norteiam por princu00edpios u00e9ticos e polu00edticos, capazes de atuar em diferentes contextos;
  • rn t

  • incentivar a pesquisa na u00e1rea de linguagem e suas mu00eddias, visando o desenvolvimento contu00ednuo de discentes e docentes;
  • rn t

  • estimular o permanente desejo de aperfeiu00e7oamento cultural, intelectual, profissional de docentes e discentes;
  • rn t

  • incentivar a utilizau00e7u00e3o e a leitura cru00edtica de diversas mu00eddias;
  • rn t

  • incentivar e promover a extensu00e3o, aberta u00e0 comunidade, visando a sua integrau00e7u00e3o nas atividades acadu00eamicas e cientu00edficas, assim como a divulgau00e7u00e3o e socializau00e7u00e3o dos conhecimentos construu00eddos no Curso, entendidos como patrimu00f4nio social.
  • rn

rn

Caracteru00edsticas:rnA concepu00e7u00e3o pedagu00f3gica do Curso de Licenciatura em Linguagem e Comunicau00e7u00e3o atende u00e0s orientau00e7u00f5es institucionais da UFPR para o Setor Litoral, bem como os pressupostos expressos no Projeto Polu00edtico Pedagu00f3gico do Setor. O curso u00e9 construu00eddo na perspectiva da indissociabilidade entre a pesquisa, a extensu00e3o e o ensino, situando o estudante nas questu00f5es sociais vividas pela comunidade, bem como unindo a teoria e a pru00e1tica da profissu00e3o nas diversas au00e7u00f5es didu00e1ticas. Alu00e9m disso, o curso se organiza nos tru00eas eixos previstos pelo PPP do Setor: os Fundamentos Teu00f3rico-Pru00e1ticos (FTP), as Interau00e7u00f5es Culturais e Humanu00edsticas (ICH) e os Projetos de Aprendizagem (PA). As Cu00e2maras dos Cursos trabalham de forma integrada com todos os eixos pedagu00f3gicos dos espau00e7os curriculares de tal forma a fim de garantir que dialoguem e fomentem entrelau00e7amentos teu00f3rico-pru00e1ticos entre si.

rnO que vocu00ea iru00e1 encontrar?rnEm consonu00e2ncia com a proposta do projeto institucional, o curso possui caru00e1ter interdisciplinar, dotado de autonomia para gerir e planejar suas atividades. Sendo um curso voltado para a formau00e7u00e3o de professores para atuarem na Educau00e7u00e3o Bu00e1sica (su00e9ries finais do Ensino Fundamental e no Ensino Mu00e9dio), a metodologia desenvolvida prevu00ea a constante discussu00e3o das pru00f3prias relau00e7u00f5es que caracterizam a organizau00e7u00e3o pedagu00f3gica dos diferentes espau00e7os escolares.rnrnEntende-se a pru00e1tica como o modo de fazer, permeado, sempre, por uma teoria. Ou seja, a pru00e1tica, entendida como pru00e1xis, u00e9 o momento em que se busca fazer algo e a teoria procura conceituar, significar. Nesse sentido, as au00e7u00f5es dentro do curso se articulam em torno da formau00e7u00e3o da identidade do docente como educador, ou seja, nu00e3o apenas aquele que transmite conhecimentos, mas um profissional consciente de seu papel u00e9tico-polu00edtico-social, com capacidade de participar da tomada de decisu00f5es sobre o seu trabalho e sobre a vida escolar, capaz de produzir conhecimento e realizar o trabalho pedagu00f3gico de forma coletiva e investigativa. Para isso, a metodologia do curso prevu00ea:rn

    rn t

  • articular teoria e pru00e1tica;
  • rn t

  • tecer relau00e7u00f5es entre os diferentes eixos de formau00e7u00e3o e u00e1reas de conhecimento;
  • rn t

  • tecer relau00e7u00f5es entre o saber acadu00eamico e a realidade social;
  • rn t

  • conhecer e selecionar materiais didu00e1ticos e novos recursos educacionais ao Ensino Fundamental e Mu00e9dio;
  • rn t

  • construir materiais didu00e1ticos a serem utilizados em instituiu00e7u00f5es de ensino;
  • rn t

  • participar de encontros, seminu00e1rios, congressos, palestras em outras instituiu00e7u00f5es;
  • rn t

  • interagir criticamente com as diferentes mu00eddias e o conhecimento veiculado na Internet;
  • rn t

  • refletir criticamente sobre o fazer pedagu00f3gico na pru00f3pria instituiu00e7u00e3o e fora dela;
  • rn t

  • participar de projetos de intervenu00e7u00e3o em instituiu00e7u00f5es escolares ou nu00e3o.
  • rn

rn

Dessa forma, a metodologia adotada no Curso prioriza posturas investigativas cru00edticas, bem como a capacidade de elaborau00e7u00e3o pru00f3pria. As pru00e1ticas de oralidade, leitura, escrita e reescrita tambu00e9m estaru00e3o presentes de forma sistemu00e1tica e cotidiana ao longo do curso.

Perfil

Estudante:rngif de um homem passando a mu00e3o no queixo, com expressu00e3o de anu00e1lise. O gif tambu00e9m mostra o texto

rn

Na proposta polu00edtico-pedagu00f3gica da UFPR Setor Litoral, o processo educativo visa o desenvolvimento integral, nos aspectos cognitivo, afetivo e social, numa perspectiva emancipatu00f3ria e de protagonismo dos estudantes, que busca criar as condiu00e7u00f5es para a formau00e7u00e3o cru00edtica, partindo da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensu00e3o.

rn

u00a0

rn

A concepu00e7u00e3o do processo educativo fundado na realidade social demanda um curru00edculo integrado, flexu00edvel e articulado, rompendo com a concepu00e7u00e3o disciplinar e fragmentada, e trabalhando com espau00e7os de formau00e7u00e3o pautados na realidade concreta do meio em que os estudantes estu00e3o inseridos.

rn

u00a0

rn

O curso de Licenciatura em Linguagem e Comunicau00e7u00e3o estu00e1 estruturado de maneira a possibilitar a construu00e7u00e3o de atividades que integrem os diferentes cu00f3digos linguu00edsticos e culturais da lu00edngua portuguesa e suas literaturas, assim como as linguagens midiu00e1ticas, numa abordagem cru00edtica, visando u00e0 pru00e1tica docente adequada aos contextos e circunstu00e2ncias de atuau00e7u00e3o.

rn

u00a0

rn

O curso se organiza a partir das 3 fases propostas pelo PPP do Setor Litoral: 1u00aa. Fase u2013 Conhecer e Compreender; 2u00aa. Fase u2013 Compreender e Propor; 3u00aa. Fase u2013 Propor e Agir. Na primeira fase privilegia-se estimular o conhecimento e a compreensu00e3o do papel do licenciado em Linguagem e Comunicau00e7u00e3o e a problematizau00e7u00e3o desta atuau00e7u00e3o profissional na realidade local articulada no contexto regional, estadual e nacional. Neste momento, a observau00e7u00e3o da realidade deve auxiliar no desenvolvimento do senso cru00edtico, estimulando a problematizau00e7u00e3o e (re)interpretau00e7u00e3o do que se observa a partir dos pressupostos teu00f3rico-pru00e1ticos articulados u00e0s diferentes u00e1reas de conhecimento.

rn

u00a0

rn

A segunda fase corresponde ao segundo e terceiro ano do curso. Os mu00f3dulos contribuem para que o estudante teorize, fundamente e problematize a realidade reconhecida no litoral. Essa condiu00e7u00e3o proporciona o desenvolvimento e aprofundamento dos conteu00fados cientu00edficos bu00e1sicos para compreender a articulau00e7u00e3o entre o sistema educacional e as diferentes linguagens. Essa articulau00e7u00e3o procura estabelecer conexu00f5es entre os diversos saberes, incluindo a atuau00e7u00e3o conjunta de professores num mesmo mu00f3dulo. A construu00e7u00e3o deste conhecimento du00e1-se pela reflexu00e3o constante dos conteu00fados teu00f3ricos e da investigau00e7u00e3o da pru00e1tica linguu00edstico-cultural-comunicacional e da pru00e1tica pedagu00f3gica.

rn

u00a0

rn

A terceira fase objetiva uma atuau00e7u00e3o mais efetiva do estudante e a sua inseru00e7u00e3o no universo do trabalho. Visa u00e0 su00edntese das experiu00eancias vivenciadas nos Projetos de Aprendizagem, nas Interau00e7u00f5es Culturais e Humanu00edsticas, nos Fundamentos Teu00f3rico-Pru00e1ticos e no Estu00e1gio Curricular Obrigatu00f3rio, que ganham a perspectiva da sua efetivau00e7u00e3o u00e0 medida que se encerra o curso. Os Projetos de Aprendizagem trabalhados desde o primeiro ano do curso constituem espau00e7os que no quarto ano devem ser finalizados e constituir um dos elemento do seu aprendizado e do exercu00edcio profissional.

rn

u00a0

rn

Em todas as dimensu00f5es do Projeto Pedagu00f3gico do Setor e, consequentemente do Curso, estu00e3o inseridas as discussu00f5es sobre a Educau00e7u00e3o das Relau00e7u00f5es u00c9tnico-raciais na temu00e1tica da Histu00f3ria e Cultura Afro-Brasileira e Indu00edgena e a integrau00e7u00e3o com a educau00e7u00e3o ambiental de modo transversal, contu00ednuo e permanente, atendendo ao disposto nas legislau00e7u00f5es vigentes: Lei nu00b0 11.645 de 10/03/2008; Resoluu00e7u00e3o CNE/CP Nu00b0 01 de 17 de junho de 2004; Lei nu00ba 9.795, de 27 de abril de 1999 e Decreto Nu00ba 4.281 de 25 de junho de 2002. As Interau00e7u00f5es Culturais e Humanu00edsticas tu00eam por objetivo a integrau00e7u00e3o dos diferentes componentes curriculares a partir de uma perspectiva interdisciplinar para facilitar a articulau00e7u00e3o dos diversos saberes (cientu00edficos, culturais, populares e pessoais), com a finalidade de sensibilizar e despertar os estudantes para a compreensu00e3o da complexidade das questu00f5es su00f3cio-polu00edtico-culturais e ambientais contemporu00e2neas. Os Projetos de Aprendizagem buscam impulsionar e orientar o estudante para que possa contribuir para o desenvolvimento da regiu00e3o local por meio de projetos que o levem a observar, analisar, questionar e oferecer soluu00e7u00f5es a partir da realidade concreta e de situau00e7u00f5es cotidianas.

rn

u00a0

rn

Profissional:

rn

gif do personagem Professor, da su00e9rie La Casa de Papel, dando aula

rn

O licenciado em Linguagem e Comunicau00e7u00e3o estu00e1 habilitado, prioritariamente, para o exercu00edcio do magistu00e9rio em lu00edngua portuguesa e respectivas literaturas do sexto ao nono ano do Ensino Fundamental e no Ensino Mu00e9dio. O egresso tambu00e9m pode atuar em organizau00e7u00f5es nu00e3o governamentais (ONGs), instituiu00e7u00f5es de caru00e1ter sociocultural nu00e3o escolares, projetos ou programas institucionais que desenvolvem au00e7u00f5es pedagu00f3gicas.

rn

Trata-se de um profissional capaz de demonstrar coeru00eancia entre a teoria e a sua pru00e1xis pedagu00f3gica, nu00e3o se furtando, jamais, u00e0 autocru00edtica e u00e0 cru00edtica da sua formau00e7u00e3o, comprometendo-se com sua formau00e7u00e3o permanente. Alu00e9m de ter o conhecimento da lu00edngua portuguesa, suas literaturas e culturas estudadas e pesquisadas, o egresso teru00e1 a capacidade de elaborau00e7u00e3o cru00edtica e posicionamento frente u00e0 pru00e1tica do magistu00e9rio.

Histu00f3ria do curso

O curso de Licenciatura em Linguagem e Comunicau00e7u00e3o iniciou suas atividades em agosto de 2009. A organizau00e7u00e3o curricular do curso se construiu a partir do Projeto Polu00edtico Pedagu00f3gico do Setor (aprovado pela resoluu00e7u00e3o nu00ba 84/08-CEPE de 12 de dezembro de 2008) e publicado em setembro do mesmo ano), na qual encontra-se a matriz de cargas horu00e1rias dos Cursos de Educau00e7u00e3o Superior Nu00edvel Graduau00e7u00e3o. O projeto segue as diretrizes curriculares dos cursos de licenciatura em Letras, propondo-se, epistemologicamente, a embasar-se na Linguu00edstica Aplicada Cru00edtica, na Anu00e1lise do Discurso, na Semiu00f3tica da Comunicau00e7u00e3o e em outras ciu00eancias com o objetivo de desenvolver um trabalho inter e transdisciplinar que consiga compreender a complexidade das relau00e7u00f5es entre os sujeitos na sociedade e, a partir deste ponto, analisar os desdobramentos de seus discursos nos variados espau00e7os da educau00e7u00e3o formal e informal.

Vagas

Saiba mais

Palestra

Contato

Telefone:

rn

41-988625964u00a0

rn

rnE-mail:

rn

camaralincom@ufpr.br

rn

rnSite:

rn

https://lincomufpr.wordpress.com/

rn

rnLocal:

rn

Setor Litoral da UFPR

rn

Rua Jaguariau00edva, 512rnCaiobu00e1, Matinhos - PR

Vestibular

Homepage

Voltar

Cursos relacionados

Estes su00e3o alguns cursos da UFPR relacionados u00e0 Linguagem e Comunicau00e7u00e3o!rn

rn

Comunicau00e7u00e3o Institucional - Curitiba

rn

Jornalismo - Curitiba

rn

Letras - Curitiba

rn

Pedagogia - Curitiba