Engenharia Industrial Madeireira – Curitiba
Sobre o curso Perfil Histu00f3ria do curso Vagas Saiba mais Palestra Contato Vestibular Homepage Voltar Cursos relacionados

Sobre o curso

Objetivos:rnTemos por objetivo formar um profissional qualificado, apto a aplicar os conhecimentos de engenharia para gerenciar todo e qualquer processo industrial que utilize a madeira e seus derivados como matu00e9ria-prima.rnrnO profissional formado deveru00e1 ser capaz de desenvolver atividades de operau00e7u00e3o, otimizau00e7u00e3o, aprimoramento da produu00e7u00e3o, administrau00e7u00e3o, comercializau00e7u00e3o, gestu00e3o dos recursos, logu00edstica e controle de qualidade nas empresas. Poderu00e1 coordenar e desenvolver equipes de trabalho que iru00e3o atuar na instalau00e7u00e3o, produu00e7u00e3o e na manutenu00e7u00e3o de processos industriais, bem como projetar melhorias nos sistemas convencionais de produu00e7u00e3o, propondo a incorporau00e7u00e3o de novos mu00e9todos e tecnologias.rnrnPor ser um setor de grande representatividade na economia do Brasil e do Mundo, possui grandes perspectivas de crescimento e ainda carece de profissionais qualificados, absorvendo assim os egressos do Curso.rnrnO que vocu00ea iru00e1 encontrar?rn

    rn t

  • 1u00ba PERu00cdODO: Introduu00e7u00e3o u00e0 Engenharia Ind. Madeireira, Informu00e1tica Bu00e1sica, Anatomia da Madeira, Cu00e1lculo I, Desenho Tu00e9cnico A, Quu00edmica Geral.
  • rn t

  • 2u00ba PERu00cdODO: Fu00edsica I, Suprimento da Madeira, Geometria Analu00edtica I, Quu00edmica Experimental, Tu00e9cnicas de Representau00e7u00f5es Digitais, Cu00e1lculo II.
  • rn t

  • 3u00ba PERu00cdODO: Mecu00e2nica Aplicada I, Estatu00edstica II, u00c1lgebra Linear, Propriedades Fu00edsicas da Madeira, Quu00edmica Orgu00e2nica, Fu00edsica II.
  • rn t

  • 4u00ba PERu00cdODO: Fu00edsica III, Fu00edsica Experimental I, Mecu00e2nica Aplicada II, Introduu00e7u00e3o u00e0 Adm. de Emp. Ind. Madeireiras, Eletrotu00e9cnica Aplicada, Quu00edmica da Madeira.
  • rn t

  • 5u00ba PERu00cdODO: Seguranu00e7a do Trabalho na Ind. Madeireira I, Economia Geral, Resistu00eancia dos Materiais I, Processos de Corte em Madeira, DEFI u2013 Gestu00e3o de Projetos, Energia da Madeira, Termodinu00e2mica.
  • rn t

  • 6u00ba PERu00cdODO: Administrau00e7u00e3o da Produu00e7u00e3o de Emp. Ind. Mad. Elementos Org. de Mu00e1quinas I, Resistu00eancia dos Materiais II, Controle e Automau00e7u00e3o Industrial I, Propriedades Mecu00e2nicas da Madeira, Mu00e1quinas Hidru00e1ulicas, Transferu00eancia de Calor e Massa.
  • rn t

  • 7u00ba PERu00cdODO: Elementos Org. de Mu00e1quinas II, Controle e Automau00e7u00e3o Industrial II, Serrarias e Beneficiamento da Madeira I, Secagem da Madeira I, Polpa e Papel, Biodegradau00e7u00e3o e Preservau00e7u00e3o de Madeiras, Mu00e1quinas Tu00e9rmicas, Disciplinas Optativas.
  • rn t

  • 8u00ba PERu00cdODO: Logu00edstica Industrial Madeireira, Gestu00e3o da Qualidade, Engenharia Econu00f4mica, Serrarias e Beneficiamento da Madeira II, Painu00e9is de Madeiras I, Secagem da Madeira II, Disciplinas Optativas.
  • rn t

  • 9u00ba PERu00cdODO: Projetos de Indu00fastrias Madeireiras, Estruturas de Madeiras, Gestu00e3o Ambiental, Painu00e9is de Madeira II, Disciplinas Optativas.
  • rn t

  • 10u00ba PERu00cdODO: Estu00e1gio Profissionalizante e TCC. Disciplinas Optativas.
  • rn

rn

DISCIPLINAS OPTATIVAS: Seguranu00e7a do Trabalho na Ind. Madeireira II, Introduu00e7u00e3o u00e0 Polu00edtica Tecnolu00f3gica e Industrial, Marketing e Mercados de Produtos Florestais, Mudanu00e7as Climu00e1ticas e Projetos de Cru00e9dito de Carbono, Informu00e1tica Aplicada, Qualidade Tecnolu00f3gica da Madeira, Fu00edsica IV, Cadeias Produtivas Florestais, Certificau00e7u00e3o Florestal I, Certificau00e7u00e3o Florestal II, Acabamentos em Madeiras, Branqueamento de Celulose, Tecnologia de Reciclagem de Papel, Identificau00e7u00e3o Macroscu00f3pica de Madeiras, Infraestrutura Florestal, Tu00e9cnicas e Operau00e7u00f5es em Florestas Nativas, Fu00edsica Experimental II, Comunicau00e7u00e3o em Lu00edngua Brasileira de Sinais-LIBRAS.

Perfil

Estudante:rngif de um gatinho sentado u00e0 frente de uma mesa, batendo suas patinhas no teclado de um notebook como se estivesse trabalhando freneticamente

rn

Os discentes devem apresentar um bom entendimento de ciu00eancias exatas, alu00e9m das u00e1reas de administrau00e7u00e3o, gestu00e3o e economia. Precisa demonstrar conhecimento em tecnologia e computau00e7u00e3o. Tambu00e9m compreender o conceito de sustentabilidade e se preocupar com o meio ambiente.

rnProfissional:rngif em desenho de uma mu00e3o segurando um celular. Na tela do aparelho, aparece uma releitura do aplicativo de relacionamento Tinder: o app timber mostra diversos tipos de madeiras e troncos de u00e1rvoresrnA Universidade Federal do Paranu00e1 - UFPR tem a intenu00e7u00e3o de formar profissionais de Engenharia Industrial Madeireira com o seguinte perfil:rn

    rn t

  • Formau00e7u00e3o su00f3lida nas disciplinas bu00e1sicas (Matemu00e1tica, Fu00edsica, Quu00edmica) garantindo que o profissional tenha facilidade de acompanhar a evoluu00e7u00e3o tecnolu00f3gica.
  • rn t

  • Bom conhecimento na u00e1rea de informu00e1tica, para que possa ser utilizada como ferramenta em todas as disciplinas e ainda dar base suficiente para que possa se aprimorar, se assim o desejar, nas disciplinas Tu00f3picos Especiais em Engenharia, ou extracurriculares dentro da instituiu00e7u00e3o.
  • rn t

  • Um forte conhecimento das disciplinas bu00e1sicas da u00e1rea de Gestu00e3o, de forma a atuar com competu00eancia na Economia, Administrau00e7u00e3o, Comu00e9rcio Exterior, Qualidade e Gestu00e3o de Projetos, Desenvolvimento, Empreendedorismo e Inovau00e7u00e3o Tecnolu00f3gica do Setor Industrial Madeireiro, abrindo sua visu00e3o para as possibilidades de tornar-se um empreendedor, alu00e9m de fornecer as ferramentas necessu00e1rias a um gestor na u00e1rea de engenharia.
  • rn t

  • Uma formau00e7u00e3o humanu00edstica atravu00e9s do exemplo e convivu00eancia na vida acadu00eamica, para que possa ter um bom desempenho no relacionamento humano no trabalho.
  • rn t

  • Um profissional com forte embasamento no conhecimento da matu00e9ria-prima madeira e, nos diversos conhecimentos que viru00e3o a caracterizar o Engenheiro Industrial Madeireiro, proporcionado pelas disciplinas profissionalizantes e especu00edficas alu00e9m de aprofundamento e relau00e7u00f5es com o setor produtivo proporcionadas pelas disciplinas complementares Tu00f3picos Especiais em Engenharia.
  • rn t

  • Uma visu00e3o global e interdisciplinar proporcionada pelas disciplinas constantes do projeto curricular.
  • rn t

  • Uma visu00e3o real de sua vida profissional, proporcionada pelos estu00e1gios supervisionados voluntu00e1rios e profissionalizante obrigatu00f3rio.
  • rn t

  • Um bom desempenho nas aplicau00e7u00f5es pru00e1ticas resultantes do grande nu00famero de aulas pru00e1ticas.
  • rn t

  • Formau00e7u00e3o u00e9tica-profissional, voltada ao respeito dos direitos humanos, u00e0 toleru00e2ncia, u00e0s diferenu00e7as, u00e0 nu00e3o-discriminau00e7u00e3o e u00e0 promou00e7u00e3o da qualidade de vida dos indivu00edduos, grupos, organizau00e7u00f5es e comunidades.
  • rn

rn

Campo de atuau00e7u00e3o profissional:rnO mercado de trabalho se apresenta com amplo espectro de opu00e7u00f5es dentro dos segmentos industriais madeireiros privados apontados a nu00edvel tu00e9cnico de responsabilidade por processo e produto final. Alu00e9m destes aspectos aponta-se o campo Gerencial, Administrativo, Financeiro, Comercial, Marketing e Logu00edstico de Suprimento e Distribuiu00e7u00e3o, como tambu00e9m no campo da Pesquisa e Extensu00e3o no Setor Pu00fablico. Os campos de especializau00e7u00e3o se apresentam em programas de Mestrado, Doutorado e Pu00f3s-Doutorado na u00e1rea de Tecnologia e Utilizau00e7u00e3o de Produtos Florestais e Ciu00eancia da Madeira tanto no Brasil como no exterior (Estados Unidos, Canadu00e1, Alemanha, Franu00e7a, Reino Unido Japu00e3o, Austru00e1lia, Nova Zelu00e2ndia entre outros pau00edses).

rnu00c1reas de atuau00e7u00e3o:rnSetores industriais madeireiros: o Processamento Mecu00e2nico - Madeira Serrada e Beneficiada, Secagem da Madeira. o Indu00fastrias de Molduras, Pisos de Madeira Su00f3lida e Engenheirada. o Painu00e9is de Madeira: o Portas, Compensados e Sarrafeados o Painu00e9is de Partu00edculas de Madeira o Painu00e9is de Fibras de Madeira o Pastas celulu00f3sicas e Papel o Indu00fastria Moveleira o Usinagem da Madeira o Energia de Biomassa e Madeira (Produtos e Processos de Gerau00e7u00e3o de Energia) o Produtos Estruturais (Produu00e7u00e3o de Elementos Estruturais) o Indu00fastria Quu00edmica de Tratamento de Madeiras, etc. o Indu00fastria Quu00edmica de Produtos Adesivos e de Acabamentos para Madeira.rn

rnAtuau00e7u00f5es especu00edficas:

rnrn

    rn t

  • Na u00e1rea de materiais de madeira em produu00e7u00e3o, especificau00e7u00e3o, anu00e1lise e controle de qualidade, consultorias e assessorias tu00e9cnicas a produtores e consumidores.
  • rn t

  • Na u00e1rea de projetos, em desenvolvimento, produu00e7u00e3o, execuu00e7u00e3o e controle de qualidade de componentes, equipamentos e instalau00e7u00f5es industriais madeireiras.
  • rn t

  • Na u00e1rea de manufatura de produtos de madeira, em planejamento, execuu00e7u00e3o, desenvolvimento de produtos e materiais e controle de qualidade.
  • rn t

  • Na u00e1rea de tu00e9rmicas e fluu00eddas em projeto, desenvolvimento, operau00e7u00e3o e controle de qualidade na indu00fastria madeireira.
  • rn t

  • Na u00e1rea de automau00e7u00e3o e controle, atendendo solicitau00e7u00f5es das u00e1reas de manufatura, projetos e termo-tu00e9cnica da indu00fastria madeireira.
  • rn t

  • Na geru00eancia e execuu00e7u00e3o da manutenu00e7u00e3o industrial madeireira.
  • rn t

  • Na gestu00e3o, logu00edstica, produu00e7u00e3o, comu00e9rcio, marketing, finanu00e7as e controle de poluiu00e7u00e3o das indu00fastrias que utilizam madeira e seus derivados.
  • rn t

  • Na u00e1rea de pesquisa e ensino relacionados u00e0s suas atividades profissionais.
  • rn

rnRessalta-se que as atribuiu00e7u00f5es profissionais relacionadas pela Cu00e2mara Especializada de Engenharia Mecu00e2nica e Metalurgia do CREA-PR prevu00ea as u201catividades 01 a 18 do artigo 1u00ba da Resoluu00e7u00e3o 218/73 do CONFEA referente aos procedimentos tecnolu00f3gicos adotados no processamento industrial da madeira e seus derivados, produtos industrializados da madeira e seus derivados, estruturas em madeira, gestu00e3o, logu00edstica, produu00e7u00e3o, marketing, finanu00e7as e controle de poluiu00e7u00e3o das indu00fastrias que utilizam madeira e seus derivadosu201d.

Histu00f3ria do curso

O curso foi criado em 1998 por iniciativa dos Professores do Departamento de Engenharia e Tecnologia Florestal do Setor de Ciu00eancias Agru00e1rias, sendo o primeiro curso de formau00e7u00e3o de Recursos Humanos de nu00edvel superior (bacharelado) para a Indu00fastria Madeireira do Pau00eds.

rnA primeira turma iniciou o Curso em 1999. Foi reconhecido pelo Ministu00e9rio da Educau00e7u00e3o em 2004 e revalidado em 2011 e 2015. Os primeiros Engenheiros Industriais Madeireiros colaram grau em maru00e7o de 2004. Em 2004, o Colegiado do Curso aprovou o primeiro Projeto Pedagu00f3gico do Curso de acordo com as Diretrizes nacionais dos Cursos de Engenharia.rnrnNo ano de 2008 em razu00e3o da participau00e7u00e3o da UFPR no "Programa de Apoio a Planos de Reestruturau00e7u00e3o e Expansu00e3o das Universidades Federais Brasileiras - REUNI - ocorreu a primeira grande reformulau00e7u00e3o curricular do curso, aprovada para inu00edcio em 2009, com a semestralizau00e7u00e3o do curso e criau00e7u00e3o do curso em turno noturno.rnrnAtu00e9 o ano de 2020 foram formados cerca de 370 Engenheiros que atuam no mercado nacional e internacional.

Vagas

Saiba mais

Selo u201cAqui Temu201d: este curso possui Programa de Educau00e7u00e3o Tutorial (PET), Programa Institucional de Monitoria e Programa de Voluntariado Acadu00eamico (PVA).

rn

rnCurso reconhecido pelo MEC com 5 Estrelas no Guia do Estudante.

rnFormas de Ingresso: Vestibular, SiSU e Provar.rnrnConta com um corpo de Docentes, Servidores e Tu00e9cnicos de alto nu00edvel bem como uma infraestrutura de qualidade para o ensino teu00f3rico e pru00e1tico (Salas de aula, Laboratu00f3rios e Biblioteca). Possui convu00eanios com Instituiu00e7u00f5es de Ensino Superior em outros Pau00edses, possibilitando a mobilidade acadu00eamica internacional de parte dos acadu00eamicos do Curso.rn

Possui o Programa de Educau00e7u00e3o Tutorial (PET) e uma Empresa Ju00fanior - Valor Madeireiro - Empresa Ju00fanior de Engenharia Industrial Madeireira.

rnVu00eddeos sobre o Curso:rnhttps://www.youtube.com/watch?v=5E4exNREphornhttps://www.youtube.com/watch?v=NoHpDO42-9wrnhttps://www.youtube.com/watch?v=kOO9z70BqFQrnhttps://www.youtube.com/watch?v=4JAj_VCtc7Urnhttps://www.youtube.com/watch?v=Ioo7seWBku8rnhttps://www.youtube.com/watch?v=g0ZegnQsvuQ

Palestra

Contato

Telefone:u00a0

rn

41-3360-4306

rn

rnE-mail:u00a0

rn

cceim@ufpr.br

rn

rnSite:

rn

http://www.madeira.ufpr.br

rn

rnFacebook:

rn

https://pt-br.facebook.com/madeira.ufpr/

rn

rnLocal:

rn

Universidade Federal do Paranu00e1

rn

Campus Jardim Botu00e2nico

rn

Centro de Ciu00eancias Florestais e da Madeira

rn

Curso de Engenharia Industrial Madeireira

rn

Av. Prefeito Lothu00e1rio Meissner, 632rn80210-170, Jardim Botu00e2nico, Curitiba, PR

Vestibular

Homepage

Voltar

Cursos relacionados

Estes su00e3o alguns cursos da UFPR relacionados u00e0 Engenharia Industrial Madeireira!rn

rn

Engenharia Ambiental - Curitiba

rn

Engenharia Ambiental e Sanitu00e1ria - Pontal do Paranu00e1

rn

Engenharia Florestal - Curitiba

rn

Quu00edmica - Curitiba